domingo, 3 de abril de 2016

cabelo saudável

Cabelos danificados •Cabelos danificados: apresentam um desgaste provocado por produtos químicos (permanentes, produtos inadequados, tinturas, descoloração, alisamentos, etc.), além dos danos físicos (exposição excessiva aos raios UV, uso de secadores, escovação brusca). •Em ambos os casos, ocorrem anomalias na disposição das cutículas e, consequentemente, na estrutura dos fios e do couro cabeludo. •Nos cabelos danificados, as escamas estão abertas, o que provoca perda de brilho, umidade e resistência. É por isso que eles necessitam de um tratamento profundo e intensivo.  Cabelos Mistos Possuem características de cabelos oleosos e secos, ou seja, o couro cabeludo é oleoso e as pontas são ressecadas e às vezes duplas. É o tipo de cabelo mais comum e também o mais difícil de tratar.

Cabelos saudáveisCabelos saudáveis: cada fio de cabelo é coberto por uma camada de escamas bem fechadas, chamadas cutículas, que protegem o interior do cabelo. •Nos cabelos saudáveis, essa cutícula tem um padrão regular, o que mantém as moléculas de água e de proteína seladas dentro do cabelo, mantendo-o maleável, com brilho, forte e macio. O cabelo é um fio queratinizado que cresce na pele dos mamíferos. A haste do cabelo é a parte do fio que emerge do couro cabeludo. Acima de tudo, o fio de cabelo é um pelo, possui a mesma estrutura de todos os pelos do corpo humano, porém tem suas particularidades. Podemos dividir o cabelo em três partes: cutícula, córtex e medula.

garcinia
garcinia cambogia
garcinia emagrece
quanto custa garcinia

Cutícula Camada externa do fio de cabelo que se divide de 0 a 12 camadas que, sobrepostas, protegem a estrutura. Por ser transparente nos permite ver a cor do fio do cabelo. A cutícula sofre agressões externas (sol, chuva, poluição etc.) por ação mecânica (escovar, pentear etc.) transformações químicas (relaxamento, permanente, colorações, reflexos etc.) As cutículas são parcialmente sobrepostas sobre si, podendo formar de cinco a dez camadas de placas. Essas placas, por sua vez, oferecem excelente proteção ao córtex.

 Córtex Região intermediária onde transformamos a estrutura do cabelo. Nesta região encontramos as seguintes ligações químicas: •ligação salina: no simples ato de molhar o cabelo a sua extensão é aumentada. •ligação de hidrogênio: a deformação acontece quando transformamos temporariamente o cabelo. •ligação de enxofre (também conhecido como Ponte de Dissulfeto): só é rompida através de ação química ou física (aquecimento) e sua transformação é permanente.

Medula É a parte central do fio. Há fios de cabelos que não possuem medula, não modificando em nada sua estrutura. O canal da medula pode estar vazio ou preenchido com queratina esponjosa. Ainda não foi determinada a função desta região, estudos recentes apontam para uma associação da medula com o primeiro instante da fase de germinação do fio onde a medula serviria como um "direcionador" do novo fio em direção ao poro.

 Ciclo de crescimento do cabelo 1. anágena (crescimento) – 80% ou + 2. catágena (regressão) < 1% 3. telógena (repouso) 20% ou - Ao final desse processo, o pêlo na fase telógena é expelido, surgindo um outro folículo piloso para substituí-lo. Uma pessoa perde, em geral, de 100 a 150 fios por dia, e cresce 0,35mm a cada 24 horas. Cada um dos fios tem seu próprio ciclo; caso contrário, todos eles cairiam ao mesmo tempo. Em geral, o ciclo do cabelo programado geneticamente resulta numa troca de todos os fios num período de 3 a 5 anos, variando de pessoa para pessoa.

Curso de excel online
Curso de adestramento de cães
Como aumentar o penis naturalmente

Nenhum comentário:

Postar um comentário